Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Yoga na minha Vida

O Yoga ajuda a descobrir quem tu és... Tens coragem para saber a resposta?

Yoga na minha Vida

O Yoga ajuda a descobrir quem tu és... Tens coragem para saber a resposta?

Luas, Equinócios e cenas

Bem, tenho andado muito desaparecida, com pouca vontade de escrever o quer que seja, e há muito que não me acontecia o que me aconteceu nesta ultima Lua Nova. 

De há uns tempos a esta parte, talvez neste ultimo ano, que me tenho ligado mais a esta historia das Luas. Então se as luas interferem com as marés, se pensarmos e porque o nosso corpo é constituído por cerca de 70, 80% de água, como pode não interferir a lua connosco?

 

Para mim parece-me óbvio!

Então tenho sentido mais tudo, tenho estado em sintonia com as Luas e com o que me vão trazendo.

Estou mais à escuta através das sensações do meu corpo, e esta última Lua Nova... trouxe-me muitas lágrimas! Muitas dores interiores, muito reconhecer de que há coisas que não estão bem e que não as quero para mim, trouxe muita dor de cabeça que é algo que normalmente não tenho, mas era uma dor de cabeça esquisita, porque se concentrava mais na zona da 3a visão no ponto entre as sobrancelhas, sentia um peso enorme. Deitava-me com dores cabeça e acordava da mesma forma.

Hoje sei que não eram dores de cabeça "normais", mas que era apenas o chakra da 3a visão que estava a ser trabalhado no meio deste processo todo.

 

Isto tudo, aliado ao Equinócio, que para mim é a altura do ano em que deves fazer mudanças e limpezas, libertares-te do que não te serve mais, sejam trabalhos, pessoas, situações, etc.,  foi uma carga de trabalhos. Sentimentos, atrás de sentimentos, emoções atrás de emoções, dei comigo a ir num espiral de pensamentos que também não eram a realidade das coisas mas que demorei a deixar ir.

Foi um processo muito sentido e muito interiorizado, e muito "sozinha" comigo sem grandes vontades de manifestações do quer que seja. Estava só mesmo disponível para aquilo que me estava a ser trazido para que fosse reconhecido e libertado.

Com muito custo a semana lá foi passado e no seu final ainda consegui ir até à praia e sabem aquela sensação de que quando mergulhamos no mar saímos bem mais leves, parecendo que deixamos lá todo o peso que está a mais e que não é nosso? Bolas, foi uma das melhores sensações que tive depois de tudo isto...

 

moons_fases-da-lua.jpg

 

E desse lado? Também algo parecido?

 

Namastê!

Susana

 

 

2 comentários

Comentar post